Avançar para o conteúdo principal

Quaresma em Família - IV Domingo

Jesus é a Verdade. Verdade que a uns incomoda e a outros liberta. Quem segue a Cristo, que conhece os corações, só pode optar pela verdade, pela transparência, pela clareza de palavra, de pensamentos e de atitudes, porque a mentira aprisiona, esconde e complica.
A mentira dá trabalho, exige perspicácia e torna-nos calculistas. Nesta semana, seremos convidados a eliminar pelo menos uma mentira de tempos antigos na nossa família. Algo que me afastou de alguém e que, directa ou indirectamente, não permitiu mais que a minha relação com essa pessoa fosse sincera. E sentiremos o peso da libertação. Sentiremos mais amor por Cristo que é a Verdade. 


A LUZ

No caminho, que vou fazendo,
A luz, às vezes falta,
Deixando-me perdido!
A angústia, então, assalta
O meu coração aflito,
O meu ser sedento
De metas de infinito!

“Senhor, onde estás?”
Clamo, numa oração confiada!
Mas não é fácil escutar,
Na noite mal iluminada,
A tua presença de paz!

Eu sei, no entanto,
Que Tu, Senhor, caminhas ao meu lado,
A tua mão enxuga o meu pranto,
Ampara o meu ser de pobre cansado,
Perdido no silêncio dos dias,
Na angústia de uma solidão
Feita companhia!

É verdade que tudo pode terminar
Num qualquer Calvário, numa cruz,
Mas há́ a certeza de me acompanhar,
Nos caminhos da dor, a Luz
Que vem meus medos iluminar: Jesus!

Pode ser luz pequena, escondida,
Feita mais silêncio que palavra,
Estrela breve, na noite sumida,
Mas é luz que me escuta e afaga
Nas estradas da dor sofrida,
E num silêncio que esmaga!

D. Manuel dos Santos

Mensagens populares deste blogue

Em Setembro passa a ser proibida a eutanásia nos canis...

Em Setembro passa a ser proibida a eutanásia nos canis como medida de controlo dos cães e gatos vadios. Governo pode vir a estender prazo, porque maioria dos canis não sofreu obras. Em 31 concelhos nem sequer existem.

E se ajudássemos os outros a viver?

Nunca fui autónoma, mas isso não me tornou menos digna em nenhum dos dias, desde que nasci. É por isso que não posso ficar em silêncio, numa altura em que nos preocupamos em como ajudar os outros a morrer.

Eutanásia: Interrupção Voluntária do Amor (IVA)

Nestas últimas semanas, estou em visita pastoral às paróquias mais pequenas do arciprestado de Cabeceiras de Basto. No contexto atual de debate sobre a eutanásia, tenho procurado saudar ainda com mais respeito e carinho os idosos que encontro nos Centros de Convívio, em suas casas ou na Igreja Paroquial na celebração do Sacramento da Unção dos Doentes.