Avançar para o conteúdo principal

Semana da Vida: COM MARIA CUIDAR DA ALEGRIA DA VIDA

Neste ano em que a Igreja de Portugal celebra o Centenário das Aparições, em Fátima, também a Semana da Vida estará naturalmente – bem – marcada por esta dimensão e rosto mariano da nossa Fé: Maria, Mãe de Jesus e nossa Mãe, tem tudo para ensinar-nos como cuidarmos da Vida que nos é dada e confiada.

Toda a vida e a vida toda. Vivemos, na sociedade portuguesa, algumas dificuldades e tensões, no que diz respeito à Vida: a questão do aborto e a questão da eutanásia, de maneira mais evidente, mas também muitas outras ameaças à qualidade da Vida e à Vida com qualidade.
Esta Semana da Vida quer ser – cada vez mais – um ‘tempo oportuno’ para agradecermos a vida, defendermos a vida, aprendermos a cuidar dela e aprofundar o convite a encontrar em Deus, fonte de toda a Vida, o sentido maior e inalienável e sagrado da vida de cada pessoa, desde a sua concepção até ao momento da morte, neste mundo.
+ info em www.leigos.pt

Nestes 24 anos, foram propostos os seguintes lemas orientadores:
1994 – A família e a vida
1995 – Toda a vida pede amor
(…)
1997 – A criança na família dá mais vida à vida
1998 – Vida: dom e responsabilidade
1999 – A vida é dom em todas as idades
2000 – Sim à vida, sempre
2001 – Eutanásia?
2002 – A vida: responsabilidade nossa de cada dia
2003 – Ninguém fique de fora
2004 – Sem filhos não há futuro
2005 – Respeita o outro, diz não á violência
2006 – Família: amor e vida
2007 – Felicidade humana – Preocupação de Deus
2008 – Vida com esperança
2009 – Vida com valores – Formação na Família
2010 – A vida é sempre um bem
2011 – Escolhe a vida e viverás
2012 – Comprometidos com a vida
2013 – Dá mais vida à tua vida
2014 – Gerar vida – Construir futuro
2015 – Vida com dignidade: opção pelos mais fracos
2016 – Cuidar da Vida: A nossa casa comum
2017 – Com Maria, cuidar da alegria da vida

Mensagens populares deste blogue

Em Setembro passa a ser proibida a eutanásia nos canis...

Em Setembro passa a ser proibida a eutanásia nos canis como medida de controlo dos cães e gatos vadios. Governo pode vir a estender prazo, porque maioria dos canis não sofreu obras. Em 31 concelhos nem sequer existem.

E se ajudássemos os outros a viver?

Nunca fui autónoma, mas isso não me tornou menos digna em nenhum dos dias, desde que nasci. É por isso que não posso ficar em silêncio, numa altura em que nos preocupamos em como ajudar os outros a morrer.

Eutanásia: Interrupção Voluntária do Amor (IVA)

Nestas últimas semanas, estou em visita pastoral às paróquias mais pequenas do arciprestado de Cabeceiras de Basto. No contexto atual de debate sobre a eutanásia, tenho procurado saudar ainda com mais respeito e carinho os idosos que encontro nos Centros de Convívio, em suas casas ou na Igreja Paroquial na celebração do Sacramento da Unção dos Doentes.