Avançar para o conteúdo principal

Papa diz aos adolescentes que a felicidade não tem preço, nem é uma "app"

O papa Francisco disse hoje a milhares de adolescentes reunidos na Praça de São Pedro que a sua felicidade não depende de terem "muitas coisas", nem de uma "aplicação que se descarrega no telemóvel".
"Nem sequer a versão mais recente poderá ajudar-nos a sermos livres e grandes no amor", proclamou o pontífice na homilia da missa que oficiou na basílica de São Pedro para dezenas de milhar de adolescentes de idades compreendidas entre os 13 e os 16 anos.
"Não confiem em quem vos distrai da verdadeira riqueza, que são vocês, quando vos disserem que a vida só é bonita tendo muitas coisas", acrescentou Jorge Bergoglio.

"Desconfiem de quem vos queira fazer crer que sois valiosos quando vos fazeis passar por fortes, como os heróis dos filmes, ou quando estais vestidos com a última moda. A vossa felicidade não tem preço e não se negoceia", afirmou.
O papa usou a referência da atenção que os adolescentes dão aos telemóveis horas depois de, na tarde de sábado, enviar uma mensagem vídeo a milhares de jovens congregados num evento musical no estádio olímpico de Roma.
Nesse espetáculo, organizado este fim de semana dentro das iniciativas para adolescentes do Jubileu da Misericórdia, que começou em dezembro, o papa usou a comparação com os telemóveis quando disse: "se na vossa vida não estiver Jesus, é como estarem sem cobertura".


In: http://economico.sapo.pt/noticias/papa-diz-aos-adolescentes-que-a-felicidade-nao-tem-preco-nem-e-uma-app_247953.html

Mensagens populares deste blogue

Papa Francisco recebe em audiência 35 mulheres separadas e divorciadas

Na segunda-feira, 26 de junho, o Papa Francisco recebeu em audiência privada no Vaticano, um grupo de 35 mulheres separadas e divorciadas da Arquidiocese espanhola de Toledo.

Oração de Consoada 2017

Maria de Nazaré, Contigo cantamos as maravilhas de Deus. A tua espera, hoje nos enche de alegria! Com ela aprendemos o prazer de esperar... e por meio dela vivemos agora habitados pelo infinito...
José, filho de David, A tua espera, hoje surpreende-nos... Estamos maravilhados, porque Deus Entra no nossa vida e na nossa história Para nos oferecer a esperança da vida eterna.
Jesus, Deus connosco, O desejo de ti, faz-nos hoje experimentar a tua presença viva, simples e dócil. Sentado à nossa mesa, convives connosco nesta noite E nos interpelas com a tua ternura.
Sagrada família de Nazaré, Neste Natal, faz-nos sair ao encontro Dos rostos concretos daqueles que mais precisam. Não nos deixes acomodar diante desta mesa rica, Mas interpela-nos diante da pobreza e da injustiça.
Deus, Pai nosso, Abençoa-nos e abençoa estes alimentos Que em família reunida tomamos. Mas não nos deixes cair na tentação da indiferença. Dai pão a quem tem fome e fome de justiça a quem tem pão.
Amen!

Um cristão não pode dizer “sou contra homossexuais”

Convém recordar que Jesus Cristo está depois do Antigo Testamento e que, na sua passagem pela terra, deu sempre lugar de destaque às prostitutas, sobretudo a Maria Madalena. E, já agora, não será Mateus 19:12 uma aceitação da naturalidade da homossexualidade? “Alguns eunucos são assim porque nasceram assim”.