Avançar para o conteúdo principal

CAFÉ CONCERTO em Família e para a Família

Comprometidos com a Vida

Com este mote da Semana da Vida  queremos dar espaço à reflexão e à partilha de ideias e saberes, gerando em cada um e em cada família a cultura da vida e do compromisso.
O tempo litúrgico da Páscoa é de veras impulsionador e propulsivo da alegria da fé e do Evangelho. A força da Páscoa não nos deixa presos dentro de casa, acumulando medos e receios, mas atira-nos para o mundo com audácia e esperança. 
O Evangelho da vida ao serviço do homem e da mulher, da família e da sociedade, chama-nos e interpela-nos para que sejamos verdadeiras anunciadores da vida em todos os lugares da nossa existência. O nosso compromisso nasce do evangelho de Jesus Cristo ressuscitado. A Igreja recebeu o Evangelho como anúncio e fonte de alegria e salvação. Recebeu-o como dom de Jesus, que foi enviado pelo Pai “Para anunciar a boa nova aos pobres” (Lc 4,19). Recebeu-o através dos Apóstolos, que o Mestre enviou pelo mundo inteiro (Mt 28,19-20). Por isso a Igreja ouve permanentemente aquela palavra de incitamento apostólico “Ai de mim se não evangelizar” (I Cor 9,16). A Evangelização constitui a graça e a vocação própria da Igreja, a sua mais profunda identidade. Ela existe para evangelizar.
Eis-nos aqui, com esta disposição de dar continuidade ao anúncio da vida. 
O Concílio Vaticano II escreve: “Cada família comunicará generosamente com as outras as suas próprias riquezas espirituais. Nascida de um matrimónio que é imagem e participação da aliança de amor entre Cristo e a Igreja, manifestará a todos a presença viva do Salvador no mundo e a autêntica natureza da Igreja, quer por meio do amor dos esposos, quer pela sua generosa fecundidade, unidade e fidelidade, quer pela amável cooperação entre todos os seus membros” (GS 48).
Gostaríamos que esta palavra do Concílio se concretizasse no CAFÉ CONCERTO, no dia 19 de maio, às 21h30, no Centro Pastoral de Santo Adrião, Vila Nova de Famalicão, com entrada livre e aberto a todas a famílias, com as suas crianças e adolescentes...
Estamos todos empenhados e comprometidos com o dom da vida, gerado na família, e desejamos que este dom vá circulando entre todos.

Mensagens populares deste blogue

Conselhos do Papa Francisco para ir à Missa com crianças

Choros ou gritos das crianças podem atrapalhar, mas a comunidade deve incentivar a participação de toda família.
“Chata!” Respondi à minha avó quando me perguntou sobre o que eu havia achado da Missa. Na época, eu tinha uns seis anos. E olha que cresci em uma família católica, frequentando Missas e catequeses! Recordo que ir à Missa, muitas vezes, representava uma soneca durante a  homilia, pipocas doces e coloridas ou sorvete no fim. Confesso que minha participação não era exemplar, porém, creio que essa liberdade na participação foi ajudando a semear a fé em meu coração e em minha mente.

Papa Francisco recebe em audiência 35 mulheres separadas e divorciadas

Na segunda-feira, 26 de junho, o Papa Francisco recebeu em audiência privada no Vaticano, um grupo de 35 mulheres separadas e divorciadas da Arquidiocese espanhola de Toledo.

A mulher é quem dá harmonia ao mundo, não está aqui para lavar louça

O Pontífice indicou que é necessário evitar se referir à mulher falando somente sobre a função que realiza na sociedade ou em uma instituição, sem levar em consideração que a mulher, na humanidade, realiza uma missão que vai além e que nenhum homem pode oferecer: “O homem não traz harmonia: é ela. É ela que traz a harmonia, que nos ensina a acariciar, a amar com ternura e que faz do mundo uma coisa bela”. Em sua reflexão sobre a Criação, a partir da leitura do Livro do Gênesis, o Papa Francisco se referiu ao papel da mulher na humanidade.