Avançar para o conteúdo principal

Quaresma em Família 2017



A dinâmica em casa consiste em criar um tempo de oração e conversão em família. Assim, cada família da comunidade é convidada a criar um Cantinho Mariano de Oração. Aí a família poderá reunir-se em oração, tal como Maria fez com os discípulos no Cenáculo.

A oração poderá começar com o acender de uma vela, invocar o dom da presença do Espírito Santo, e rezar/meditar a partir da proposta do livro Rezar na Quaresma (Edições Salesianas, 2017).

Posto isto, criar um breve tempo de silêncio, para acolher com a docilidade e calma de Maria a Palavra escutada e meditada, e aí cada um poder realizar um exame de consciência, ora pessoal, ora familiar, com a
ajuda do esquema anteriormente proposto. Como seria bom que esta oração fosse feita em família!

Depois deste momento, o compromisso trazido da catequese é colocado debaixo da imagem de Maria. A ela con amos as nossas dores e esperanças. Com ela e por ela nós queremos chegar à paz de coração que vem de seu Filho Jesus.
Este tempo de oração termina com a seguinte oração a Maria:


À vossa proteção recorremos, Santa Mãe de Deus. 
Não desprezeis as nossas súplicas
em nossas necessidades,
mas livrai-nos sempre de todos os perigos,

ó virgem gloriosa e bendita. Amém 

Mensagens populares deste blogue

Em Setembro passa a ser proibida a eutanásia nos canis...

Em Setembro passa a ser proibida a eutanásia nos canis como medida de controlo dos cães e gatos vadios. Governo pode vir a estender prazo, porque maioria dos canis não sofreu obras. Em 31 concelhos nem sequer existem.

E se ajudássemos os outros a viver?

Nunca fui autónoma, mas isso não me tornou menos digna em nenhum dos dias, desde que nasci. É por isso que não posso ficar em silêncio, numa altura em que nos preocupamos em como ajudar os outros a morrer.

Eutanásia: Interrupção Voluntária do Amor (IVA)

Nestas últimas semanas, estou em visita pastoral às paróquias mais pequenas do arciprestado de Cabeceiras de Basto. No contexto atual de debate sobre a eutanásia, tenho procurado saudar ainda com mais respeito e carinho os idosos que encontro nos Centros de Convívio, em suas casas ou na Igreja Paroquial na celebração do Sacramento da Unção dos Doentes.