Avançar para o conteúdo principal

Rezar em Família no Natal - 1 DE JANEIRO À EPIFANIA

CONTEMPLAR A ALEGRIA DO EVANGELHO
“Maria conservava todos estes acontecimentos e meditava-os em seu coração”
ITINERÁRIO SIMBÓLICO
Atitude mariana: Interioridade
ABRIR A CASA À LUZ
No início da oração acender a vela

ORAÇÃO
P. Em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo.
R. Amém!

P. Com Maria e José, oremos ao Senhor!

R. Neste Natal, Ele nos dá a alegria do Seu amor!

P. Iniciámos um novo ano civil. No dia 1, Dia Mundial da Paz, invocámos a bênção divina e expressámos os nossos sonhos, em muitos votos, compromissos, desejos. O novo ano começou, como sempre, sob o olhar protetor da Mãe de Deus.
 Neste início de ano, queremos acolher em nossa casa, nas nossas famílias o desafio da Paz. Por isso devemos aprender a dizer muitas vezes, três palavras simples: «por favor», «obrigado» e «desculpa». O Evangelho do passado Domingo, dia 1, dizia-nos algo muito belo, a respeito do modo como a Mãe de Jesus vivia o seu dia a dia, atenta a tudo o que vivia e ouvia. Dizia assim São Lucas:


LEITURA BÍBLICA
“Maria conservava todas estas palavras, meditando-as em seu coração” (Lc 2,19).

P. Neste mistério, peçamos a Maria, Mãe de Deus, que nos ajude a guardar estas três palavras «por favor», «desculpa» e «obrigado», para que em nossa casa haja Paz e esta Paz chegue a todos os lhos de Deus, dispersos pelo mundo inteiro.

PAI-NOSSO
10 AVE-MARIAS
GLÓRIA
MAGNIFICAT1

P. Maria, Rainha da Paz!

R. Rogai por nós!

P. Bendigamos ao Senhor!

R. Neste Natal, Ele nos dá a alegria do Seu amor!


Mensagens populares deste blogue

Em Setembro passa a ser proibida a eutanásia nos canis...

Em Setembro passa a ser proibida a eutanásia nos canis como medida de controlo dos cães e gatos vadios. Governo pode vir a estender prazo, porque maioria dos canis não sofreu obras. Em 31 concelhos nem sequer existem.

E se ajudássemos os outros a viver?

Nunca fui autónoma, mas isso não me tornou menos digna em nenhum dos dias, desde que nasci. É por isso que não posso ficar em silêncio, numa altura em que nos preocupamos em como ajudar os outros a morrer.

Eutanásia: Interrupção Voluntária do Amor (IVA)

Nestas últimas semanas, estou em visita pastoral às paróquias mais pequenas do arciprestado de Cabeceiras de Basto. No contexto atual de debate sobre a eutanásia, tenho procurado saudar ainda com mais respeito e carinho os idosos que encontro nos Centros de Convívio, em suas casas ou na Igreja Paroquial na celebração do Sacramento da Unção dos Doentes.