Avançar para o conteúdo principal

Rezar em Família no Advento - III Domingo

3.ª SEMANA DO ADVENTO

CONTEMPLAR A ALEGRIA DO EVANGELHO
“Ide contar o que vedes e ouvis”

ITINERÁRIO SIMBÓLICO
Atitude mariana: Silêncio alegre

ORAÇÃO
P. Em nome do Pai e do Filho e do Espírito Santo.
R. Amém!

P. Com Maria e José, oremos ao Senhor!
R. Neste Natal, Ele nos dê a alegria do Seu amor!

P. Nesta terceira semana do Advento, recordamos que a família é comparável a uma árvore que, tal como o amor, deve sempre dar fruto e acolher os seus que procuram abrigo. Os lhos são o “rebento” mais esperado e são “o fruto” mais bendito de um casal e de uma família feliz. E se o casal não recebe a alegria desse fruto, pode ajudar tantas crianças e outras famílias e outras pessoas a viverem mais felizes. Quando Isabel recebeu a visita de sua prima, que também estava grávida, diz o Evangelho que ela exclamou:

LEITURA BÍBLICA
“Bendita és tu entre as mulheres e bendito é o fruto do teu ventre” (Lc 1,42).

P. E quando foi anunciado a José o nascimento do Menino, também lhe foi dito:

LEITURA BÍBLICA
“Não temas receber Maria, pois o que ela concebeu é fruto do Espírito Santo” (Mt 1,20).

P. Neste mistério, rezemos em família, por todas as grávidas e por todos os bebés nascidos ao longo deste ano de 2016. Para que todos sejam acolhidos como um fruto bendito. E rezemos por aquelas famílias que não puderam ter lhos, para que sejam generosas a acolher e a ajudar outras famílias.

PAI-NOSSO
10 AVE-MARIAS
GLÓRIA

P. Maria, Mãe do Evangelho vivo!

R. Rogai por nós!

P. Bendigamos ao Senhor!

R. Neste Natal, Ele nos dê a alegria do Seu amor!

CONSTRUÇÃO DA CASA
Colocar as janelas - Colocar a imagem de Nossa Senhora dentro da Casa


Mensagens populares deste blogue

Papa Francisco recebe em audiência 35 mulheres separadas e divorciadas

Na segunda-feira, 26 de junho, o Papa Francisco recebeu em audiência privada no Vaticano, um grupo de 35 mulheres separadas e divorciadas da Arquidiocese espanhola de Toledo.

Oração de Consoada 2017

Maria de Nazaré, Contigo cantamos as maravilhas de Deus. A tua espera, hoje nos enche de alegria! Com ela aprendemos o prazer de esperar... e por meio dela vivemos agora habitados pelo infinito...
José, filho de David, A tua espera, hoje surpreende-nos... Estamos maravilhados, porque Deus Entra no nossa vida e na nossa história Para nos oferecer a esperança da vida eterna.
Jesus, Deus connosco, O desejo de ti, faz-nos hoje experimentar a tua presença viva, simples e dócil. Sentado à nossa mesa, convives connosco nesta noite E nos interpelas com a tua ternura.
Sagrada família de Nazaré, Neste Natal, faz-nos sair ao encontro Dos rostos concretos daqueles que mais precisam. Não nos deixes acomodar diante desta mesa rica, Mas interpela-nos diante da pobreza e da injustiça.
Deus, Pai nosso, Abençoa-nos e abençoa estes alimentos Que em família reunida tomamos. Mas não nos deixes cair na tentação da indiferença. Dai pão a quem tem fome e fome de justiça a quem tem pão.
Amen!

Um cristão não pode dizer “sou contra homossexuais”

Convém recordar que Jesus Cristo está depois do Antigo Testamento e que, na sua passagem pela terra, deu sempre lugar de destaque às prostitutas, sobretudo a Maria Madalena. E, já agora, não será Mateus 19:12 uma aceitação da naturalidade da homossexualidade? “Alguns eunucos são assim porque nasceram assim”.